Linhas e itinerários | Publicado em 16/01/2014

Conheça os benefícios sociais da tarifa de ônibus que você paga

validadorPublicado em 16/01/2014

As gratuidades e o ganho proporcionado pelo Bilhete Único Carioca (BUC), em que o passageiro não paga a segunda viagem nos ônibus, trens e nas vans legalizadas dentro do período de duas horas, são componentes importantes que estão na tarifa de ônibus dos milhões de usuários da cidade do Rio de Janeiro. Os números comprovam a importância desses benefícios na vida dos cariocas. Por mês, 19 milhões de viagens são feitas por pessoas que têm direito à gratuidade como estudantes, deficientes e idosos. Em 2013, 11 milhões de viagens foram feitas de maneira gratuita com o uso dos cartões de Bilhete Único Carioca, o que representa 22% do total de viagens realizadas por passageiros pagantes na cidade do Rio de Janeiro com cartões eletrônicos.

A tarifa é resultado de um cálculo matemático simples em que os custos para operar o sistema de transporte por ônibus são somados e depois divididos pelo número de pessoas que pagam a passagem. Nessa operação, cada vez que aumenta a proporção de não pagantes a tarifa precisa ser maior para equilibrar a equação. O Gerente de Planejamento e Controle da Fetranspor, Guilherme Wilson, faz um retrato dessa situação no Rio de Janeiro.

“Vamos imaginar que 100 pessoas pagam a tarifa, que hoje tem valor de R$ 2,75. Dessas 100 pesosas, 20 não pagam, porque usam a segunda viagem gratuita do Bilhete Único. E além destes existem outros que também não pagam, estimados em cerca de 20% de todos os passageiros transportados na cidade do Rio de Janeiro. Quando você soma todas essas parcelas que não pagam, naturalmente, você tem uma tarifa maior, mas tem também a condição de beneficiar muita gente” afirma Guilherme Wilson.

A Tarifa Real é uma denominação para o valor da passagem sem os custos com as gratuidades. No Rio, ela é de R$2,04. Esse é o valor recebido pelas empresas de ônibus por passageiro pagante transportado.

“Se nós tivéssemos uma previsão de custeio para os gratuitos e se não tivéssemos o Bilhete Único, que é um benefício embutido, mas que significa naturalmente na composição da tarifa um valor um pouco maior, poderíamos praticar um dos preços mais baixos do país. A Tarifa Técnica, que é a cobrada ao passageiro, permite que muitos viajem de maneira gratuita e que essa conta seja dividida entre a maioria”, conclui Guilherme Wilson.

Embora a Tarifa Real seja de R$2,04, uma das mais baixas do país, o Rio tem uma das frotas mais novas do Brasil com 3,6 anos de vida média.

Saiba tudo sobre a tarifa de ônibus do Rio de Janeiro

+ Lidas

Rio Ônibus

Sindicato das Empresas de Ônibus da Cidade do Rio de Janeiro - Rio Ônibus



© Rio Ônibus 2016 - Todos os direitos reservados

Criação e Desenvolvimento:   Desenvolvido por Ideiatrip

www.ideiatrip.com.br

Direção de arte:
Vlad Calado
Design:
Daniel Uhr e Andressa Luz
Desenvolvimento:
Jonathas Guerra e Bruno Costa
Fotografia:
Arthur Moura

 
Popup Dialog Box Powered By : XYZScripts.com