Cultura | Publicado em 23/01/2017

Férias na Cidade das Artes: programação gratuita para a criançada

 

Uma educação de qualidade promove vivências variadas. Brincadeira, arte, contato com a natureza, trabalhos manuais fazem parte da boa formação de um indivíduo! Durante os próximos três sábados (28/01, 04/02 e 11/02), a Cidade das Artes promove encontros de experiências e oferece ao público um tempo livre de qualidade.

 

 28/01 – MÚSICA E MOVIMENTO – 14h às 18h

 Um dia para viver experiências sonoras, danças, instrumentos e ritmos da cultura brasileira.

 

PROGRAMAÇÃO 28/01

MÚSICA BRINCANTE COM MONIQUE DESIDERIO

“brincadeiras musicais tradicionais da infância, através de dinâmicas utilizando o corpo e a voz”

Atividades livres, abertas ao público. Entrada e saída livres. Além da banda, uma cesta com instrumentos musicais, objetos sonoros e cênicos estarão disponíveis para uso livre do grupo.

Monique Desiderio Especialista em Educação Musical pelo Fórum Latino americano de Educação Musical (FLADEM Brasil). Especialista em Educação Infantil pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC rio). Graduada em Licenciatura Plena em Música pela Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (EM/UFRJ). Professora de Música e musicista com atuação em escolas públicas e privadas do Rio de Janeiro. A partir de vivências apoiadas na abordagem Orff-Schulwerk desenvolve a musicalidade de crianças e adultos apresentando em sua prática elementos da cultura popular brasileira, criação coletiva de arranjos rítmico-corporais através da exploração sonora do corpo e de materiais sonoros diversos.

14h –  Ê BOI (duração 50min)

A narrativa do Bumba meu Boi, enquanto festejo da cultura popular brasileira, contada, cantada e encenada pelos visitantes presentes na Oficina. Uso de objetos cênicos e instrumentos livres.

15h e 16h BRINCADEIRAS MUSICAIS  (50min cada sessão).

Brincadeiras musicais tradicionais da infância, através de dinâmicas utilizando o corpo e a voz. A energia da roda de ciranda enquanto brinquedo popular da cultura brasileira e de diversos povos.

17h – BAILINHO (duração de 50min)

O uso da voz, através da magia do canto coletivo, do corpo em movimento e da dança enquanto fonte de energia e boas vibrações.

14h às 18h INSTALAÇÃO SONORA E ESTAÇÕES “FAÇA VOCÊ MESMO SEU INSTRUMENTO

Um mundo de parafernálias para o público experimentar um novo jeito de fazer música e criar o seu próprio instrumento.

16h às 18h “OFICINA DE DANÇAS POPULARES” com Rio Maracatu

Aula de dança abordando a dança popular brasileira, aprendendo as técnicas e os movimentos básicos da vivência do folguedo, que pode ser o Maracatu de Baque Virado ou Coco de Roda.

O Rio Maracatu é um grupo fundado em 1997 no Rio de Janeiro, nascido da união de músicos pernambucanos e cariocas para resgatar e valorizar uma parte importante da nossa rica cultura musical. A partir do Maracatu de Baque Virado, tradição da cidade do Recife, o grupo desenvolve um trabalho de pesquisa e execução de ritmos, cantos e danças tradicionais brasileiras, como a Ciranda, o Coco e o Ijexá, além do Maracatu.

O Rio Maracatu é um eixo ativo do amplo movimento de retomada e renovação do Carnaval de Rua Carioca, tendo como parceiros naturais de trabalho grupos como Jongo da Serrinha, Cordão do Boitatá, Céu na Terra, Monobloco, entre outros. Hoje, graças a esse movimento, o Rio de Janeiro reconquistou uma tradição que estava se perdendo. União do grupo com os alunos de percussão e dança, formados nas suas oficinas. Sua formação pode variar de acordo com os eventos.

 

 04/02 – CIRCO- ATIVIDADES CIRCENSES – 14h às 18h

O público vai conhecer através de um espetáculo teatral, a história do primeiro palhaço negro do Brasil. Em seguida vai se impressionar com os truques de magia, experimentar a graça de ser palhaço e algumas técnicas circenses. Por fim, terá  a alegria de assistir o espetáculo das Marias da Graça!

 

PROGRAMAÇÃO 04/02

 

14h – “UNIVERSO REDONDO – OS CIRCOS DE BENJAMIM” (duração de 50 min) com Cia.do Solo

Espetáculo infanto-juvenil que apresenta um pouco da história do primeiro palhaço negro do Brasil e que foi, na virada do século XIX, um dos principais artistas responsáveis pela criação do circo-teatro no Brasil. Encenado pela Cia do Solo, formada por Gabriel Sant´Ana e Martha Paiva, utiliza diversas linguagens como a palhaçaria, contação de histórias, manipulação de bonecos e música ao vivo.
14h às 17h “OFICINA  BRINCANDO DE PALHAÇO” com Teatro do Sopro – (duração de 50 min)

Em turnos variados com até 25 pessoas cada, o público poderá experimentar a graça de ser palhaço! Jogos e brincadeiras com os princípios da graça,passando por nomes, números e música.

 

Flavia Marco, formada pela Escola Picolino de Artes do Circo, é atriz e palhaça. Durante 3 anos participou do grupo de extensão da UFBA, Bobos da Corte, atuando em 4 espetáculos. Mas é com o grupo LUME, de pesquisas da UNICAMP, que faz sua formação como atriz e palhaça. Em 2000, fundou o grupo Palhaços para Sempre, primeiro grupo de palhaços dessa geração em Salvador (BA). Durante 10 anos o grupo manteve seu foco no treinamento do ator, criando espetáculos que são apresentados até hoje, e dando cursos de palhaço para atores e crianças. Em 2008 é contratada pela organização Jovia, no Canadá, e durante 4 anos atua em instituições de saúde com crianças e idosos, participando de formações e simpósios. Em 2012 funda no Rio de Janeiro o Teatro do Sopro, dando cursos para grupos similares como: Doutoras Música e Riso (BRA), Projeto Enfermaria do Riso (UNIRIO), e Operação Nariz Vermelho (Portugal). Atualmente o grupo pesquisa técnicas de atuação direta com públicos de diferentes idades, estados cognitivos, em instituições de saúde e espaços não-convencionais.

 

14h às 17h  “ OFICINA DE CIRCO” com Churumello Circus

 

Malabares Esta oficina conta com instrutores, dois artistas atuantes no cenário do malabarismo como performáticos e professores de técnicas de malabarismo. Os instrumentos utilizados: bolas, aros e argolas, diabolôs, swing-poi e claves. Esta atividade promove o desenvolvimento de coordenação motora, superação de limites, trabalho em equipe e, claro, diversão!

 

Bolhas de Sabão Gigantes Nesta oficina, o lado lúdico e a diversão são os principais objetivos. O artista Tiago Carva, palhaço e pesquisador sobre o universo das bolhas de sabão, demonstra o resultado de seus 3 anos de pesquisa para produzir as maiores e mais coloridas bolhas. Com diversos instrumentos, o público vive uma experiência sensorial.

 

Acrobacia de solo e Perna de Pau Atividade que demonstra aos participantes que o corpo humano também pode se transformar em instrumento de arte. Além de demonstrações das inúmeras possibilidades, os artistas estarão na condição de instrutores, demonstrando ao público as infinitas possibilidades de jogos corporais com acrobacias de solo e perna de pau.

 

15h ESPETÁCULO DE MÁGICA com Gabriel Montenegro – (duração de 50 min)

Ator de teatro desde os 12 anos, Gabriel é também mágico profissional e promete fazer muitos truques reais aqui na Cidade das Artes.

ENCERRAMENTO

17h “TEM AREIA NO MAIÔ” trupe As Marias da Graça.  (Duração de 1h)

A peça conta a história de quatro palhaças que resolvem ir à praia num belo domingo de sol. A trupe embarca num calhambeque rumo à Copacabana e a aventura começa com um pneu furado. Na praia, As Marias desfilam seus maiôs graciosos e divertidos. Enfrentam desastradamente, perigos no mar, chuva de verão e claro, areia no maiô.  Contam piadas, jogam frescobol, dançando coreografias ao som de Roberto Carlos, Elza Soares, entre outros. Muito bacana!

 

Marias da Graça O grupo foi criado em 1991, a partir de uma oficina de clown. Em sua formação inicial havia sete palhaças. Da formação original ficaram Geni Viegas, Karla Concá e Vera Ribeiro. São mulheres que trabalham o riso e escolheram a arte da/o palhaça/o para expressar o cotidiano feminino. Interferem assim, na visão tradicional deste universo artístico. Em 2003, Samantha Anciães integrou-se ao grupo. Foi nesse ano que o grupo se institucionalizou e fundou As Marias da Graça Associação de Mulheres Palhaças que tem como missão valorizar a arte da mulher palhaça dentro da visão do feminino. A partir dessa data tomamos consciência da nossa missão e definimos nosso foco de atuação, gerando uma série de atividades.

 

Roteiro: Denise Crispun

Direção: Beto Brown

Direção de arte: Rui Cortez

Palhaças: Indiana – Karla Concá

 Iracema -Samantha Anciães

Maffalda – Geni Viegas

  Shoyu – Vera Ribeiro

Iluminação e coreografia: Beto Brown

Trilha sonora: Beto Brown e As Marias da Graça

 

 

Como chegar de ônibus:

Int. 01 (551) Riosul – Alvorada (Av.Atlântica/Lagoa-Barra/Américas)
Int. 02 (552) Riosul – Alvorada (Av.Atlântica/Niemeyer/Lúcio Costa)
Int. 03 (548) Alvorada – Metrô Botafogo (via Av. das Américas/Jardim Botânico) Circular
301 Rodoviária – Barra da Tijuca (via Av. das Américas)
302 Rodoviária – Alvorada (via Av. Lúcio Costa)
303 Rodoviária – Barra da Tijuca (via Linha Amarela) Circular
309 Alvorada – Central (via Botafogo/Av.Sernambetiba)
525 General Osório – Alvorada
565 Tanque – Gávea (via Freguesia)
614 Del Castilho – Alvorada
692 Méier – Alvorada (via Dom Hélder Câmara / Linha Amarela)
693 Méier – Alvorada (via R. Dias da Cruz / Linha Amarela)
805 Alvorada – Jardim Oceânico (Circular)
832 Taquara – Alvorada (via Curicica / Península)
880 Rio Das Pedras – Alvorada (via Av. Ayrton Senna)
886 Freguesia – Barra da Tijuca (Circular)
887 Pechincha – Barra da Tijuca (Circular)
2018 Aeroporto Internacional do RJ (AIRJ) – Alvorada
2330 Rodoviária – Barra da Tijuca (via Linha Amarela) Circular
2918 Aeroporto Internacional do RJ (AIRJ) – Alvorada (via L. Amarela)
882A Tanque – Alvorada (via Freguesia)
890A Tanque – Alvorada (via Cidade de Deus)
991A Taquara – Alvorada (via Cidade de Deus)
BRT Transcarioca Vicente de Carvalho – Alvorada (Semidireto)
BRT Transcarioca Galeão – Alvorada (Semidireto)
BRT Transcarioca Fundão – Alvorada (Expresso / Parador))
BRT Transcarioca Madureira – Alvorada (Expresso / Parador)
BRT Transoeste Alvorada – Jardim Oceânico (Expresso / Parador)
BRT Transoeste Mato Alto – Alvorada (Direto)
BRT Transoeste Santa Cruz – Alvorada (Direto)
BRT Transoeste Pingo d’Água – Alvorada (Expresso / Direto)
BRT Transoeste Santa Cruz – Alvorada (Expresso / Parador)
BRT Transoeste Magarça – Alvorada (Direto / Expresso)
BRT Transolímpica Centro Olímpico – Jardim Oceânico (Parador)
BRT Transolímpica Alvorada – Sulacap (Expresso)
BRT Transcarioca Madureira – Jardim Oceânico (Expresso)

+ Lidas

Rio Ônibus

Sindicato das Empresas de Ônibus da Cidade do Rio de Janeiro - Rio Ônibus



© Rio Ônibus 2016 - Todos os direitos reservados

Criação e Desenvolvimento:   Desenvolvido por Ideiatrip

www.ideiatrip.com.br

Direção de arte:
Vlad Calado
Design:
Daniel Uhr e Andressa Luz
Desenvolvimento:
Jonathas Guerra e Bruno Costa
Fotografia:
Arthur Moura

 
Popup Dialog Box Powered By : XYZScripts.com